SOBRE A ELEVELIFE
MEUS PEDIDOS MEU PERFIL
21 de fevereiro de 2020

Tudo sobre o Cronograma Capilar [Parte 3]

Já falamos muito sobre o cronograma capilar aqui, não é mesmo? Então, provavelmente você já deve tê-lo  incluído na sua rotina de cuidados com as madeixas. Acertamos?

Até porque não custa nada lembrar: ele é super fácil de fazer, prático e não exige grandes investimentos! Por isso, o cronograma capilar já caiu no gosto de muitas mulheres que, independentemente do tipo de cabelo, já usam essa estratégia aliada a tantas outras pra garantir mais saúde.

Então, nesse terceiro e último texto, nós preparamos algumas perguntas e respostas sobre o cronograma capilar. Além disso, é claro, daremos outras dicas valiosas para te ajudar a conquistar seu tão sonhado cabelão de sereia.

Boa leitura!

Cronograma capilar: o que ainda preciso saber sobre ele?

  • Quem pode fazer?

Todas as mulheres! Aliás, elas não só podem, como devem reservar um espacinho na agenda para o cronograma capilar, independente de qual seja a necessidade dos fios, viu?

Um mito que ainda existe sobre ele é acreditar que é indicado só para cabelos com química, danificados, coloridos ou em transição capilar. Isso porque garante a saúde dos fios de forma permanente, além de evitar prejuízos em períodos mais específicos, como gravidez, estresse, entre outros. Ou seja, você que tem cabelos saudáveis e hidratados também pode adotar o cronograma capilar.

  • Cabelos oleosos podem receber esses tratamentos?

Sim! Afinal, eles também sofrem com as agressões diárias, como sol, poluição, chapinha, secador e babyliss, não é mesmo?

Então, assim como todo tipo de cabelo, o oleoso precisa de uma rotina de cuidados especiais, entre eles, hidratação, nutrição, reconstrução.

Só que se você tem esses cabelos, nossa dica extra é também ficar de olho na composição das máscaras de tratamento. Prefira sempre aquelas mais leves.

  • Quanto tempo deve durar o cronograma capilar?

Apesar de o recomendado ser segui-lo por pelo menos 4 semanas, não existe um prazo ideal. Isso porque é nesse período que você começa a notar os primeiros resultados. No entanto, você pode continuar o tratamento pelo tempo que seus fios precisarem.

O mais importante é se lembrar de dar uma pausa de pelo menos 2 dias, entre uma etapa e outra.

  • É normal ter a impressão de que o cabelo já se “acostumou” com alguns dos cremes?

Sim, é completamente normal. Depois de um tempo de uso, esse é só um sinal de que suas necessidades capilares mudaram.

É por isso que os fios precisam de mais hidratação em determinado momento, depois de nutrição e, mais adiante, de uma boa reconstrução.

Esse “hábito” pode ter várias causas, entre elas, alterações hormonais e de saúde, envelhecimento ou danos externos. Ou, simplesmente, pode ser que os cabelos não precisem mais daquela etapa do cronograma capilar. Assim, você pode focar em outras etapas.

  • Excesso de tratamentos pode fazer mal?

Infelizmente, sim. Muita gente acha que quanto mais elas cuidarem dos cabelos mais bonitos eles vão ficar.

A verdade, porém, é que todo exagero pode prejudicar sua saúde capilar e gerar, ou aumentar, oleosidade, caspas, fios quebradiços, entre outros problemas.

Mas sem neuras! Se você seguir todas as recomendações indicadas no cronograma capilar, não corre o risco de isso acontecer. Então, procure acompanhar a saúde dos seus fios, o que pode ser feito através do teste do copo (como já explicamos aqui).

  • Nutrição x umectação: qual é a diferença entre elas?

Nas suas leituras sobre cronograma capilar, você certamente deve ter se deparado com esses 2 termos. Assim como a nutrição, a umectação também serve para nutrir os fios. Mas a grande diferença está no modo de aplicação dos produtos.

A umectação deve ser feita com os fios secos, na pré-lavagem. Por isso, é indicada para os cabelos danificados e quebradiços.

Enquanto isso, para a nutrição tradicional são utilizadas máscaras enriquecidas com óleos e manteigas, que devem ser aplicadas e retiradas durante o banho. 

  • Como devo aplicar as máscaras de tratamento no meu cabelo?

Além de saber quando fazer o cronograma capilar, também é muito importante seguir à risca a forma de aplicar os produtos.

Então, nossa principal recomendação é: utilize as máscaras em todo o comprimento do fio até as pontinhas.  Isso porque esse cuidado evita a obstrução dos poros e, no caso de cabelos oleosos, que a oleosidade aumente ainda mais.

Veja mais sobre isso a seguir.

Máscaras de tratamento do jeito certo

Como dissemos acima, para se tornar uma verdadeira expert em cronograma capilar e ter sucesso em todas as etapas, é mais que essencial saber como aplicar as máscaras de tratamento.

Sendo assim, nós preparamos um passo a passo especial para te dar uma ajudinha nessa missão. Veja só:

  1. Prepare as madeixas

Antes de aplicar as máscaras no cabelo, é fundamental higienizá-los bem. O primeiro passo é usar o shampoo, que remove as impurezas e os resíduos externos dos fios. Cuidado, porém: caso seu cabelo não esteja muito sujo ou oleoso, não é preciso repetir a aplicação.

Além disso, outra dica legal é diluir o shampoo em um pouquinho de água. Isso evita que ele resseque os seus fios.

  1. Escolha a máscara certa

Para que suas madeixas fiquem lindas e totalmente livres de danos, é imprescindível escolher uma máscara que combine com as necessidades do seu cabelo. Existem duas maneiras.

A primeira é o teste de porosidade utilizando um copo de água. Lembre-se dele aqui.

A segunda é observar a saúde dos sfios no dia a dia. Repare se eles estão mais secos, quebradiços ou sem brilho. Isso vai te ajudar na hora de escolher o melhor produto.

  1. Cuidado para aplicar o produto

Para que as máscaras tenham a ação esperada e seu cronograma capilar seja um sucesso, é preciso aplicá-las com alguns cuidados.

Primeiramente, assim que terminar de lavar o cabelo com o shampoo, tire todo o excesso de água com uma toalha e aplique mais ou menos o equivalente a uma colher de sopa rasa do produto. Depois, passe a máscara mecha por mecha, sem chegar perto do couro cabeludo, e faça uma leve massagem para espalhar melhor o produto.

Dica extra: para potencializar o resultado, use uma touca de hidratação! Deixe o produto agir de 5 a 10 minutos ou de acordo com o recomendado pelo fabricante. Aí é só enxaguar bem.

  1. Atente-se ao tempo de ação da máscara

Ele precisa ser respeitado! Isso porque, ao contrário do que muita gente acha, deixar o produto no cabelo por mais tempo do que foi recomendado não vai garantir resultados melhores. Aliás, o excesso de tempo pode prejudicar seus fios, causando, por exemplo, oleosidade e o surgimento da terrível caspa.

Então, quando for fazer o seu cronograma capilar, fique atenta ao relógio!

  1. Finalize como de costume

Por último, é só finalizar do jeito que você mais gosta.

Se você adora usar chapinha, secador ou babyliss, aplique um protetor térmico para proteger os fios contra o calor. Caso prefiradeixá-los secar naturalmente, basta utilizar um leave-in, que ajuda a amenizar o frizz e mantê-los com brilho e maciez.

Por último, escolha os ingredientes certos da sua máscara

 Com tantas opções de máscaras para tratamento capilar no mercado, escolher uma que ajudará seus cabelos parece uma missão impossível, não é mesmo?

Por isso, é normal que você fique cheia de dúvidas. Mas não se preocupe, pois separamos quais ingredientes são mais recomendados para cada tipo de cabelo. Vamos lá?

# Fios quimicamente tratados

Observe se a fórmula contém aminoácidos de seda ou óleos, como de oliva e abacate. Esses ingredientes garantirão cabelos sedosos e maior durabilidade da cor.

# Cabelos lisos e oleosos

O segredo é apostar em máscaras ou ampolas com texturas super leves para não pesar os fios. Além disso, é fundamental investir em um produto com ativos que proporcionam maciez, hidratação e brilho.

# Não são lisos nem enrolados: são volumosos

Para controlar o volume e o frizz, o ideal é investir em máscaras formuladas com proteínas, ceramidas, vitamina E ou manteiga de karité. Assim, você garante cabelos sem rebeldia, frizz controlados e pontas menos armadas.

# Encaracolados e secos

Veja se a máscara foi formulada com proteínas ou óleos, como os de coco, abacate, argan ou macadâmia. Hidratação máxima e ondas bem definidas atualizadas com sucesso! Só enxágue bem para não pesar.

# Finos e sem volume

Para eles, os melhores ingredientes são ceramidas, extrato de trigo ou proteína da soja e algodão. O efeito são fios soltinhos e encorpados.

# Cabelos mistos

Procure as máscaras enriquecidas com aminoácidos, ácidos graxos, proteína e queratina. Eles não aumentam a oleosidade da raiz e, de quebra, ainda hidratam as pontas do seu cabelo.

Eleve Life: sua melhor aliada de todas horas!

Agora, com certeza você já é uma expert em cronograma capilar! Afinal, vimos tudo sobre os tipos de tratamento, produtos, como fazer e as principais dúvidas.

Nós sabemos que, para muitas mulheres, manter cabelos bonitos e bem cuidados não é só uma questão de vaidade, mas também de autoestima. Por isso, além de te explicar tudinho sobre cronograma capilar nessas últimas semanas, também temos um cronograma gratuito pra você baixar aqui.

E é claro que quem quer garantir ainda mais saúde para os fios de dentro pra fora precisa contar com nosso Eleve Hair. Essa supervitamina para os cabelos é a única do mercado que potencializa o crescimento em até 5 vezes e dá ainda mais brilho e saúde para os fios.

O resultado são cabelos saudáveis, cheios de brilho, livre de pontas duplas e crescendo super rápido. Saiba tudo sobre esse produtinho aqui e agarre já o seu!

0 Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *